[1]
F. C. De Oliveira, Direitos da natureza: biocentrismo?, direitoedesenvolvimento, vol. 8, nÂș 2, p. 128-142, dez. 2017.